+

TEMPO DE BUSCAR AO SENHOR!

Categories: Palavra Sede,Texto

Buscai ao Senhor e a sua força; buscai a sua face continuamente. (Salmos 105: 4)

Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto. (Isaías 55: 6)

Porque é tempo de buscar ao Senhor, até que venha e chova a justiça sobre vós. (Oséias 10: 12)

Então veio o Espírito de Deus e disse: O Senhor está convosco, enquanto vós estais com ele, e, se o buscardes, o achareis; porém, se o deixar des, vos deixará. (II Crônicas 15: 1 e 2)

Existe uma grande diferença entre querer ou precisar de algo, quando queremos alguma coisa e por algum motivo não conseguimos, podemos continuar tentando, ou simplesmente esquecer. Mas quando precisamos de algo, já não há alternativa, precisamos disso e ponto.

Podemos ilustrar pensando na diferença entre o desejo de comer um doce e a necessidade de respirar. É verdade que às vezes o desejo é muito forte, pode até mesmo nos incomodar, mas tente ficar sem respirar por vinte minutos, certamente o resultado será trágico.

Deus é tão bom que nos permite escolher busca-lo ou não. Mas o fato é que todos nós precisamos desesperadamente de Sua presença em nossas vidas e sem Ele nada podemos fazer (João 15: 5)! Nossa caminhada na terra precisa revelar o quanto precisamos Dele!

Assim, morreu Saul por causa da sua transgressão com que transgrediu contra o Senhor, por causa da palavra do Senhor, a qual não havia guardado; e também porque buscou a adivinhadora para a consultar e não buscou o Senhor, pelo que o matou e transferiu o reino a Davi, filho de Jessé. (1 Crônicas 10: 13 e 14)

Aqueles que algum dia caminharam distantes da presença do Senhor podem testemunhar como a vida sem Deus é vazia e sem sentido! Quando não conhecíamos ao Senhor era muito comum experimentar tormentos e adversidades.

Foi exatamente isso que Saul experimentou, Deus tinha lindos planos para ele, mas como muitos, ele achou que poderia viver sem Deus. Ao ignorar a palavra de Deus, se afastou do Senhor, e virou um alvo fácil do inimigo.

Existem três aspectos da vida de Saul que são comuns na vida de todos aqueles que param de buscar ao Senhor:

  • Transgressão (infidelidade a Deus).
  • Não guardou a Palavra de Deus.
  • Buscou respostas em lugares errados.

 

Por não buscar ao Senhor, Saul abriu portas espirituais e assim o inimigo ganhou espaço para iniciar sua sequência de golpes, que levaram Saul a ruína, Jesus nos alertou, o ladrão tem uma estratégia: ROUBO, DESTRUIÇÃO e MORTE (João 10: 10).

 

E os filisteus pelejaram com Israel; e os homens de Israel fugiram de diante dos filisteus, e caíram mortos nas montanhas de Gilboa. E os filisteus perseguiram a Saul e aos seus filhos e mataram a Jônatas, a Abinadabe e a Malquisua, filhos de Saul. E a peleja se agravou contra Saul, e os flecheiros o alcançaram; e temeu muito aos flecheiros. Então disse Saul ao seu escudeiro: Arranca a tua espada, e atravessa-me com ela; para que porventura não venham estes incircuncisos e escarneçam de mim. Porém o seu escudeiro não quis, porque temia muito; então tomou Saul a espada, e se lançou sobre ela. Vendo, pois, o seu escudeiro que Saul estava morto, também ele se lançou sobre a espada e morreu. Assim morreram Saul e seus três filhos; e toda a sua casa morreu juntamente. E, vendo todos os homens de Israel, que estavam no vale, que haviam fugido, e que Saul e seus filhos eram mortos, deixaram as suas cidades, e fugiram; então vieram os filisteus, e habitaram nelas. E sucedeu que, no dia seguinte, vindo os filisteus a despojar os mortos, acharam a Saul e a seus filhos estirados nas montanhas de Gilboa. (I Crônicas 10: 1 a 8)

Quando Saul deixou de buscar ao Senhor ao invés de ter um lindo reinado, viu e viveu coisas difíceis e terríveis:

  • Seu exército foge
  • Seus filhos são mortos
  • Medo intenso
  • Insanidade a ponto de pedir a morte

Lendo rapidamente o texto podemos compreender erroneamente que o que aconteceu com ele foi uma fatalidade, circunstâncias desfavoráveis que o alcançaram, mas ao estudar mais profundamente vemos quem está por trás de tudo o que ele experimentou.

E os despojaram, e tomaram a sua cabeça e as suas armas, e as enviaram pela terra dos filisteus em redor, para o anunciarem a seus ídolos e ao povo. E puseram as suas armas na casa do seu deus e a sua cabeça fixaram na casa de Dagom. (1 Crônicas 10: 9 e 10)

Temos um adversário e devemos como diz a palavra lutar e resistir em todo tempo, pois ele:

  • Quer espaço para agir: Não deis lugar ao diabo. (Efésios 4: 27)
  • Coloca armadilhas: Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo. (Efésios 6: 11)
  • Precisa ser resistido: Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós. (Tiago 4: 7)
  • Precisa de atenção: Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar. (I Pedro 5: 8)

 

Palavra: Apóstolo Paulo Tércio

Deixe uma resposta